sexta-feira, 14 de maio de 2010

Candidatos 2010: França



● Grupo: A
● Continente: Europa
● Forma de qualificação: Finalizou em 2º lugar no Grupo 7 e venceu a Irlanda na repescagem europeia
● Ranking: 8
● Participações na Copa do Mundo: 13 (1930, 1934, 1938, 1954, 1958, 1966, 1978, 1982, 1986, 1998, 2002, 2006 e 2010)
● Melhor jogador: Michel Platini e Zinedine Zidane (de sempre), Thierry Henry (atual)
● Esporte preferido do país: Futebol é o mais popular. Rugby também é popular
● Chance de passar da primeira fase: 80%
● Chance de chegar às quartas: 50%
● Chance de chegar às semifinais: 20%
● Chance de chegar a final: 10%
● Chance de ser campeão: 5%

Vice-campeã em 2006, a França se classificou para a Copa do Mundo da pior maneira possível. Depois do vexame em seu grupo, quando perdeu a vaga para a Sérvia, Les Bleus tiveram a segunda chance enfrentando a Irlanda na repescagem europeia. O pior foi o passe com a mão de Thierry Henry para Gallas fazer o gol da classificação. O cúmulo da situação foi a punição dada, já que a FIFA decidiu apenas privar a França do estatuto de cabeça-de-chave, o que foi decisivo para colocar a França no mesmo grupo que a África do Sul.

Qualificação

A classificação não podia ser pior. Com uma campanha regular a França ficou em um desgostoso segundo lugar, atrás da Sérvi, e precisou disputar a repescagem europeia. Seu adversário foi a Irlanda. No primeiro jogo, em Dublin, Anelka marcou para os franceses e os colocou em leve vantagem para o jogo de volta, em território francês. Mas Robbie Keane marcou para a Irlanda, e o time irlandês conseguiu manter a vantagem até a prorrogação, mas Henry recebeu um lançamento da direita, e dominou com a mão por cerca de 2 segundos, antes de passar para Gallas, que fez o golo francês. Apesar da repercussão mundial, a classificação da França foi assegurada, e agora integra o grupo da morte junto com África do Sul, méxico e Uruguai.

A Grande Competição

Sem dúvida, a maior competição disputada pela França foi a Copa do Mundo de 1998. Na primeira fase, comandados por Zidane, gols de Henry, Trezeguet, Djorkaeff e cia, a França consegiu um aproveitamento de 100% na primeira fase. As fases eliminatórias foram espinhosas para os franceses, já que venceram no gol de ouro nas oitavas e nos pênaltis nas quartas, além de vencer a Croácia de virada nas semifinais com dois gols de Thuram, anulando os esforços de Davor Suker. Na final, encaram um Brasil confuso e sem Ronaldo, e conseguiram implicar um sonoro 3 a 0 na seleção canarinho, com gols de Zidane e Petit.

Time

A seleção francesa é consideradas uma das seleções mais multi-nacionais do mundo, com jogadores da Guiana Francesa, Guadalupe, Gana, Congo e Senegal, além de descendentes de argelinos e outros descendentes de africanos.  Seus atuais jogadores participam do Campeonato Francês, Inglês, Espanhol, Alemão e Grego. Foram convocados 30 jogadores, dos quais serão selecionados 23 que viajarão para a África enquanto os outros 7 servirão de jogadores reservas caso alguém sofra uma lesão grave:

Goleiros: Cédric Carrasso, Mickaël Landreau, Hugo Lloris, Steve Mandanda;

Defesa: Éric Abidal, Patrice Evra, Rod Fanni, William Gallas, Gaël Clichy, Marc Planus, Adil Rami, Anthony Réveillère, Bacary Sagna, Sébastien Squillaci;

Meio-campo: Abou Diaby, Alou Diarra, Lassana Diarra, Yoann Gourcuff, Yann M'Vila, Florent Malouda, Franck Ribéry, Jérémy Toulalan, Mathieu Valbuena;

Atacantes: Nicolas Anelka, Hatem Ben Arfa, Jimmy Briand, Djibril Cissé, André-Pierre Gignac, Sidney Govou, Thierry Henry.

Nenhum comentário:

Postar um comentário