quinta-feira, 10 de junho de 2010

Candidatos 2010: Chile



● Grupo: H
● Continente: América do Sul
● Forma de qualificação: 2º lugar nas eliminatórias da América do Sul.
Ranking: 18
● Participações na Copa do Mundo: 8 (1930, 1950, 1962, 1966, 1974, 1982, 1998 e 2010).
● Melhor jogador: Marcelo Salas (de sempre), Humberto Suazo (atual)
Esporte preferido do país: Futebol é o mais popular. Tênis também é popular. O Rodeio do Chile é o esporte nacional.
● Chance de passar da primeira fase: 50%
● Chance de chegar às quartas: 20%
● Chance de chegar às semifinais: 10%
● Chance de chegar a final: 5%
● Chance de ser campeão: 2%

A Seleção menos badalada da América do Sul, o Chile não conta atualmente com grandes jogadores indivuais, como Marcelos Salas e Iván Zamorano no passado. Porém, possui uma ótima equipe e conseguiu o segundo lugar nas eliminatórias. Na Copa, o Chile confiará nos gols de Humberto Suazo, além de Orellana e do sul-africano Mark González, naturalizado chileno.


Qualificação

A mais regular entre as seleções da América do Sul, o Chile começou as Eliminatórias bem, e terminou bem. Com vitórias importantes sobre grandes seleções, como Argentina e Paraguai, o Chile se manteve na cola do Brasil. Na última rodada, teve chances de roubar o primeiro lugar da Seleção Brasileira, mas o segundo lugar foi suficiente para levar os chilenos para a sua oitava Copa. De quebra, ainda levarama a artilharia do torneio, com Humberto Suazo, que marcou 10 gols.

A Grande Competição

O Chile organizou a Copa do Mundo FIFA de 1962. Um terremoto de magnitude 9,2 quase destruiu o país e lançou dúvidas se o país pudesse sediar o mundial. Mesmo sendo país-sede, foi sorteado no Grupo 2, e estreou vencendo contra a Suíça por 3 a 1. Na segunda partida, derrotou os italianos por 2 a 0. Na última partida, perdeu para a Alemanha Ocidental por 2 a 0. Nas quartas de finais, derrotaram os gigantes soviéticos, do goleiro Lev Yashin. Mas os chilenos seriam parados nas semifinais. Diante da superioridade brasileira, os chilenos não foram páreo para o Brasil de Garrincha e Vavá. Não sobrou outra alternativa para o Chile se não disputar a decisão do 3º lugar. Eladio Rojas marcou o gol no apagar das luzes e o Chile bateu a Iugoslávia, para alegria do povo chileno.

 
Time

A maioria dos jogadores chilenos jogam no próprio Chile, além de outros que jogam espalhados na Europa e até na América do Sul, como Fierro, do Flamengo.

Goleiros: Claudio Bravo, Miguel Pinto, Luis Marín;


Defesa: Ismael Fuentes, Waldo Ponce, Mauricio Isla, Pablo Contreras, Gary Medel, Gonzalo Jara;


Meio-campo: Carlos Carmona, Arturo Vidal, Jorge Valdivia,Marco Estrada, Matías Fernández, Gonzalo Fierro, Rodrigo Millar, Rodrigo Tello;

Atacantes: Alexis Sánchez, Humberto Suazo, Mark Gonzalez, Jean Beausejour, Fabian Orellana e Esteban Paredes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário