sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Rio de Janeiro é sede das olimpíadas de 2016




 Durante evento sediado em Conpenhagen, na Dinamarca, a cidade do Rio de Janeiro foi escolhida como cidade-sede dos Jogos Olímpicos de Verão de 2016, desbancando cidades como Madri, Chicago e Tóquio. O anúncio saiu aproximadamente às 13h50, pelo horário de Brasília, quando o Rio conseguiu mais que o dobro de votos de Madri.
 O evento foi aberto à tarde em Conpenhagen, com as candidatas finalistas fazendo suas últimas defesas para sediar o evento. A votação, que começou por volta das 10 horas, contou com a torcida de  personalidades mundiais, como o presidente americano Barack Obama, que procurou dar um peso político ao seu país.
 Mas a presença de Obama pareceu não surtir muito efeito, pois na primeira rodada de votações, Chicago foi a sede que recebeu menos votos (18 votos) e foi eliminada, talvez reflexo do pouco apoio da população. Essa rodada foi vencida por Madri, que teve 28 votos, seguidos de Rio, com 26, e Tóquio com 22.
 A segunda rodada de votações foi surpreendente, pois os membros do COI que escolheram Chicago na primeira rodada mudaram suas escolhas para o Rio. A eliminada da vez foi Tóquio, outra surpresa, que perdeu 2 votos da primeira ronda. O Rio, que perdia por dois votos, deu uma virada impressionante, vencendo a rodada com 46 votos, seguido de Madri com 29 e Tóquio com 20. Talvez o motivo da eliminação da capital japonesa se deva à grande população na cidade, que aumentaria muito transformando-se num caos.
 Mas com certeza, a rodada mais emocionante foi a última, por causa da expectativa de 2 horas entre as últimas rodadas. Mas uma vez, os eleitores da cidade eliminada prefiriram o Rio, que venceu com 66 votos, contra 32 de Madri. Entre a delegação brasileira presente, estavam Lula, Sérgio Cabral, Pelé, Hortência, Gustavo Kuerten, Cesar Cielo e João Havelange, que comemoraram com grande excitação. Houve também uma grande concentração de brasileiros na Praia de Copacabana, que aguardavam com expectativa a escolha da sede em um telão.
 Essa foi a terceira candidatura apresentada pelo Rio de Janeiro para os jogos, sendo que esta é a primeira vez que chega à final. Os pontos fortes do Rio são a sua bela paisagem e uma ótima infraestrutura, legado do Pan 2007. Os pontos fracos são o grande número de favelas e a violência, mas mesmo assim, a cidade deverá passar por mudanças, como a inclusão de ônibus biarticulados ao invés de metrôs, como em Curitiba.
 Essa será a primeira vez que os jogos serão sediados na América Latina, e poderão causar enormes mudanças no país inteiro, já que costuma ser um evento de bilhões de dólares. Uma das vantagens é a inclusão de atletas brasileiros em todos os esportes e modalidades, desde esportes populares como o futebol, basquete e vôlei, até esportes menos conhecidos, como beisebol, badminton e hóquei na grama.


Maracanã, sede do futebol e do atletismo

 Entre os locais de competição, pode-se destacar o Estádio Maracanã e o Parque Aquático Maria Lenk, além da Praia de Copacabana e dos diversos complexos esportivos espalhados pela cidade. O evento será trasmitido pela Rede Globo, Bandeirantes e Rede Record.

Você gostou da matéria? mande-nos um comentário!

Nenhum comentário:

Postar um comentário