quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Guiana

História
 O território foi colonizado no século XVII por holandeses da Companhia das Índias Ocidentais, tornando-se colônia britânica em 1831. Com a vitória eleitoral do Partido Progressista do Povo em 1953, 1957 e 1961, teve início o processo de independência do Reino Unido em 1966. O país, no entanto, permaneceu como membro da Comunidade Britânica. Em 1970, tornou-se república.
 A vida política é dominada por dois polos partidários: o Partido progressista do Povo (PPP), que defende os interesses da maioria indígena; e o Congresso Nacional do Povo (CNP). A curta história do país caracterizou-se por tensões étnicas, corrupção e ineficácia governamental. A fragilidade institucional levou a um rígido plano de austeridade nos anos 1990.
 Em 2001, Bharrat Jagdeo, do PPP, foi eleito presidente. O opositor, Desmond Hoyte, do CNP, faleceu no ano seguinte, aos 73 anos.

Política

Subdivisões




Economia

 A economia da Guiana ainda é muito dependente do setor primário, que responde, sozinho, por mais de 30% do PIB do país. As principais atividades são a mineração, a exploração madeireira, a agricultura, a criação de gado e, em menor escala, a pesca. O item agrícola de maior importância é a cana-de-açúcar, seguida de arroz, mandioca e frutas. Na mineração, o destaque é a bauxita. A indústria ainda é bastante precária. De maneira geral, a Guiana encontra-se tecnologicamente atrasada em todos os setores de sua economia e depende de capital estrangeiro para se desenvolver.
 Devido à construção de uma ponte que ligará o sul da Guiana com o norte do Brasil (Roraima) a economia guianense pode ser fortalecer, devido à grande quantidade de produtos que precisam sair do norte brasileiro, podendo-se utilizar o porto de Georgetown.

Geografia

 O território da Guiana é formado por uma faixa costeira pantanosa, por um planalto central no interior e por uma região montanhosa situada na fronteira com a Venezuela e com o Brasil. A oeste situa-se o principal sistema montanhoso - a serra da Pacaraima -, que culmina no monte Roraima. No sul, com altitudes menores, ergue-se a serra Acarai, chamada pelos indígenas de Guayanas, que significa "terra de águas". De fato, vários rios cortam o território guianense, os principais sendo o Essequibo, o Demerara, o Berbice e o Corentyne, na fronteira com o Suriname. Muitos se prestam à navegação de embarcações de grande calado.
 O clima é semelhante ao equatorial: a temperatura média é alta, as variações térmicas são pequenas e as chuvas abundantes, em particular na costa. Além da flora da selva, existem manguezais no litoral e pastagens de savana nas zonas de maior altitude. A situação da população, majoritariamente formada de índios, negros e mestiços, reflete-se em índices de bem-estar social muito baixo.

Demografia

 A população descende em boa parte (51%) de imigrantes da Índia. Há também descendentes de africanos, mestiços e ameríndios. O país registra a expectativa de vida mais baixa entre os países da América do Sul. As maiores cidades localizam-se no litoral, próximas à capital Georgetown.

Demográfica: 3,5 habitantes por quilômetro quadrado

População urbana: 28%

Crescimento Demográfico: 0,24% ao ano

Fecundidade: 2,13 filhos por mulher

Expectativa de vida (M/F): 62/68,2 anos

Mortalidade Infantil: 44 mortos por mil nascidos vivos

Analfabetismo: 1%

Religião

 Mais da metade da população da Guiana, 51%, é cristã. Os protestantes representam 22% da população, os católicos 11% e os anglicanos 9%. Há notável adoção do hinduísmo, uma vez que 33% da população professa esta fé. A explicação a este fato é que grande parte dos guianenses são descendentes de indianos. Os islâmicos respodem por 8% da população do país.

Sociedade
Educação

 A educação na Guiana é mantida pelo governo, através do Ministério da Educação. O sistema de educação da Guiana é similar aos outros países anglófonos da comunidade do Caribe, que são afiliados ao Caribbean Examinations Council (CXC).
 O sistema educacional foi baseado no antigo sistema educacional britânico. Os estudantes devem fazer o SSEE (exame para entrar na escola secundária) na sexta séria. Eles fazem o (CXC) no final da escola secundária. Recentemente eles introduziram o exame CAPE, que todos os outros países caribenhos já possuem. O sistema Advanced Level do antigo sistema britânico praticamente desapareceu e agora é oferecido em apenas algumas poucas escolas (em janeiro de 2007). A razão para o focus insuficiente ou as várias disciplinas pode ser atribuído diretamente as escolhas comuns feitas pelos estudantes de se especializar em áreas similares (matemática/química/física ou geografia/história/economia). Com a remoção do sistema Advanced Level que encorajava essa especialização, espera-se que isso vai atrair mais os estudantes a variar seus estudos. Na imagem acima, a Universidade de Georgetown.

Saúde

Sistema de saúde

Os serviços de saúde são providos em cinco diferente níveis no setor público :
Nível I: Postos de saúde local (166 no total) que fazem preventivo e curativos simples para doenças comuns e tentam promover boas práticas de saúde. Profissionais de saúde da comunidade trabalham neste nível.

Nível II: Centros de saúde (109 no total) que possuem preventivo e tratamento de reabilitação, e promovem atividades. Neste nível trabalham profissionais de saúde mais especializados, enfermeiras públicas, tratamento dentário e acompanhamento de parto.

Nível III: Dezenove Hospitais Distritais (com 473 leitos) que possuem tratamento básico para pacientes e alguns serviços de diagnóstico selecionados. Eles também estão equipados para fazer serviços simples de radiologia e laboratório, ginecologia, e e tratamento dentário preventivo e cura. Eles foram estruturados para servir áreas geográficas com uma população de 10.000 ou mais.

Nível IV: Quatro Hospitais Regionais (com 620 camas) que possuem serviços de emergência, cirurgias de rotina, tratamento obstétrico e ginecológico, serviços dentários, serviços de diagnóstico e serviços especializados em medicina geral e pediatria. Eles foram estruturados para incluir o suporte necessário para esse nível de serviço médico em termos de salas de laboratórios, raio-x e farmácias. Esses hospitais estão localizados nas Regiões 2, 3, 6 e 10.

Nível V: Hospital Nacional (937 camas) em Georgetown que possui uma ampla gama de serviços de diagnóstico e especializados, para pacientes internados ou não. Há também um centro de reabilitação para crianças.

Cultura

 Muitos indo-guianenses seguem o hinduísmo e o islamismo. Por isto, é comum encontrar templos hindus e mesquitas muçulmanas. Os guianenses que seguem estas religiões cultivam os hábitos dos demais hindus e muçulmanos do mundo. Alguns afro-guianenses, devido a influência jamaicana no mundo no que se trata do estilo rastafari, usam cabelos dreadlocks e gostam de ouvir música reggae. First Born é uma banda de sucesso no país atualmente. Falando em reggae, muitos já ouviram falar em Eddy Grant, cantor conhecido mundialmente pelas canções, I don't wanna dance e gimme hope, Joanna, gimme hope, além de muitas outras, nasceu na Guiana. Trinidad e Tobago exerce influência no país através do calipso. O carnaval guianense é repleto de concursos de cantores de calipso e seu mais novo estilo, soca. Os afro-guianenses, em sua maioria, são praticantes do cristianismo, sendo membros de várias denominações, desde a católica até a protestante.
 Diferente da América do Sul que gosta do futebol, a maioria dos guianenses prefere o críquete, esporte muito popular no Caribe. A Guiana e os demais países de língua inglesa caribenhos formam uma das mais importantes seleções de críquete, o West Indies.

Dados Gerais

Capital: Georgetown


6°46′N 58°10′W

Língua oficial Inglês (oficial), hindi, urdu, línguas indígenas

Governo República semipresidencialista com uma câmara legislativa

- Presidente Bharrat Jagdeo

- Primeiro-ministro Sam Hinds

Formação

- Independência 26 de Maio de 1966

Área

- Total 214.970 km² (81º)

- Água (%) 8.4%

População

- Estimativa de Julho de 2007 751,000 hab. (162º)

- Censo 2007 751,223

- Densidade 3.5/km² hab./km² (217º)

PIB (base PPC) Estimativa de 2005

- Total US$1.378 bilhões (157º)

- Per capita US$US$ 4,612 (106º)

Indicadores sociais

- IDH (2007) 0.750 (97º) – médio

Moeda Dólar guianense (GYD)

Fuso horário CET (UTC-4)

Org. internacionais ONU

Cód. ISO GUY

Cód. Internet .gy

Cód. telef. +592

Referência:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Guiana

                    
http://www.souturista.com.br/bandeiraguiana.bmp (bandeira)
                     http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/b/b6/Governmental_administration.jpg (Parlamento)


http://radiology.georgetown.edu/slidingimages/GeorgetownHosiptal.jpg (Universidade de Georgetown)

Nenhum comentário:

Postar um comentário